Jornal Nacional

Jornal Nacional
“A tecnologia também pode estar a serviço do bem-estar e da inclusão social.”
Hoje em dia, quando os olhos faltam, a tecnologia ajuda e de um jeito muito surpreendente.
“O equipamento é uma microcâmera que fica acoplada na armação dos óculos e que tem também uma caixinha, que pode ficar, por exemplo, na cintura de uma pessoa. No caso, uma pessoa que tem uma visão muito baixa, que identifica na frente dela uma placa, mas não sabe o que que está escrito. Aí, ela faz um gesto com a mão e os óculos dizem para ela o que está escrito na placa. O que dá para fazer também com esses óculos? Pegar um livro, abrir aleatoriamente em qualquer página, fazer o mesmo gesto, o sistema tira uma foto, identifica o que está escrito e começa a ler o livro para a pessoa.”

“E tem mais uma funcionalidade também. Se a pessoa que está usando o equipamento olhar para alguém que está cadastrado, os óculos dizem o nome dessa pessoa.”

Vide matéria na íntegra: G1